NOTÍCIAS  
Poupança tem melhor resultado em 5 meses; saldo positivo é de quase R$ 2 bi

Thu Jun 04 14:43:04 BRT 2009

A entrada de recursos da caderneta de poupança superou a saída em maio. Segundo dados do Banco Central divulgados na manhã desta quinta-feira, os depósitos ultrapassaram os saques em R$ 1,88 bilhão em maio.

Esse é o melhor resultado desde dezembro do ano passado, quando a entrada superou a saída de recursos em R$ 5,39 bilhões e desde fevereiro a aplicação não acumulava saldos positivos.

Entenda o que está por trás das mudanças na poupança
Veja como será o cálculo para cobrança de IR na poupança

Em abril, os saques superaram os depósitos em US$ 941,55 milhões e, em março, o resultado ficou negativo em R$ 846,8 milhões.

No mês passado, o governo anunciou a tributação para aplicações na caderneta de poupança acima de R$ 50 mil --que representam cerca de 1% das contas na caderneta de poupança.

O objetivo com a medida é evitar a migração de recursos dos fundos de investimento, protegendo a rentabilidade da poupança mesmo com a queda nos juros. A tributação da caderneta só valerá para períodos em que a taxa de juros esteja abaixo de 10,50% ao ano.

A proposta do governo é tributar o rendimento fixo de 0,5% ao mês da poupança. O rendimento relativo à TR (taxa referencial) continuará isento.

Rentabilidade em 2008

Em 2008, a captação da caderneta de poupança caiu quase 50% em relação a 2007. Mesmo assim, a aplicação mais popular do país registrou, no ano passado, o segundo maior resultado da história. No ano passado, a caderneta de poupança teve um rendimento de 7,9%. A inflação foi de 9,81%, se medida pelo IGP-M, e de 6,10%, pelo IPCA-15.

Entre janeiro e dezembro de 2008, a poupança registrou uma captação líquida de R$ 17,66 bilhões. Somente no mês de dezembro, foram R$ 5,387 bilhões, resultado impulsionado pelo pagamento do 13º salário.





Voltar